"Amar é um dos verbos mais difíceis de se conjugar: o seu passado não é perfeito, seu presente apenas indicativo; e o futuro é sempre condicional." (Jean Cocteu)"

segunda-feira, 14 de abril de 2008

Espécie Ameaçada


Atenção!! encontra-se desaparecido um cromossomo Y, pertencente ao gênero masculino. Quem encontrar favor entregar no departamento de achados e perdidos.
Sociedade doente...

Tá engraçado, 90% das minhas amigas concordam que homem é um ser em extinção, mas... Pô!!! eu rio disso porque são elas mesmas quem estão dizimando a espécie.

Vejo daqui um tempo, os homens conservados em "Áreas de Preservação do Gênero Masculino ". As mulheres levarão suas filhas para ver aquele bicho estranho, meio brutamontes. Na porta da reserva barraquinhas venderão cerveja e pizza para alimentar aquelas coisas peludas.

De tempos em tempos Zootecnólogas recolherão esperma para procriação, mas sem muito sucesso, os rebentos oriundos das áreas dominadas pelas mulheres nascerão fêmeas (ou quase isso) e os poucos machos aos doze já começarão a apresentar sinais de depressão e jamais entrarão na puberdade morrendo à mingua.

Biólogas ficarão angustiadas tentando descobrir de onde vêm o estranho comportamento de eles abrirem a porta da jaula para elas entrarem e sairem, colherem flores para dar (elas acham isso extremamente engraçado). Alguns puxam cadeiras e são até divertidos.

O Ibama esta num esforço danado para recolher os ultimos que ainda são exibidos em circos, recitando poesias, levantando pesos, coçando o saco e fazendo xixi de pé.... (esse ultimo é o número que mais agrada).

No rosto desses últimos remanescentes, apenas uma coisa em comum, uma melancolia, quase palpável, uma saudade de tempos em que sabia-se o que fazer para ter alguém sempre do lado. Em que havia uma preocupação em seduzir, uma época que por mais macho que que fosse o homem mesmo dominados pelo gênero superior (as mulheres), achava que ele quem mandava era ele... e era feliz assim...

Tempo em que esforçava-se para fazer surpresas românticas, mesmo que desastradas, tempos de serenatas, flores, abrir porta do carro, andar sempre do lado da rua, pagar a conta...

Tempo em que as privadas ainda tinham tampas para serem levantadas...

Mas por algum motivo em algum momento do passado todas essas coisas deixaram de fazer sentido...

bem... enquanto o tempo não chega: vamos curtir...

Boa tarde






6 comentários:

Marina F. disse...

Haha.
Dú, ótimo texto, adorei.
beijos.

Marina F.

Marina F. disse...

Ah, entra lá no
olhosrecemnascidos.blogspot.com

bjs!

Eloá disse...

Dú, Edu, Dudu....

Tá. Vou aceitar PARTE da culpa feminina. Porque nós, acabamos por aceitar a falta de cordialidade que nos é oferecida pelos raríssimos Y ainda encontrados "no mercado". Mas vou te falar uma coisinha... a gente ADORAAA receber flores! achamos UM LUXO, quando a cadeira é puxada para nos sentarmos, estudos ainda dizem que as mulheres adoram quando ELES pagam a conta, enfim... GOSTAMOS DE NOS SENTIR ESPECIAIS E SERMOS BEM TRATADAS! E acho que falo pelas mulheres de uma maneira geral...

Então, querido, vamos dividir a culpa, tá?!

beijinhos.

Pallas Athena disse...

Concordo com a Eloá.

Beijo,Du.

Français disse...

xiii!!! acho que estou contribuindo para a extinção do cromossomo Y também ;-)

Dú Badaró disse...

KKKKKK, DANI... SEU CASO É A PARTE.. VC NUNCA FEZ PARTE. ALIAS VC SUMIU COMPLETAMENTE... POR ONDE ANDA????

Novo! - pesquise aqui a WEB ou Postagens do Blog
Google